Instituto Confúcio da UPE sedia a competição “Ponte Chinesa”

O Instituto Confúcio da Universidade de Pernambuco (UPE) sediará, na próxima sexta-feira (12/04), a “18ª Competição de Proficiência em Língua Chinesa para Estudantes Universitários Estrangeiros”, conhecida também como "Ponte Chinesa".

A competição oferece aos estudantes do exterior a oportunidade de trocar suas experiências no estudo da língua chinesa, e tem os ajudado a encontrar um caminho efetivo para estudar a sociedade e a cultura do país. 

O evento, que já está na sua 18a edição, acontece a partir das 15h, no Instituto Confúcio da UPE, que fica na Rua Benfica, 305 - Madalena.

INSTITUTO CONFÚCIO: é uma entidade sem fins lucrativos que tem como missão promover o idioma mandarim e o ensino na língua e da cultura chinesas e tem como objetivo promover o intercâmbio cultural com o Brasil, fomentar o ensino do mandarim e ajudar a compreender a China contemporânea, presente em mais de 50 países.

Com sede central localizada em Pequim, o Instituto Confúcio é um órgão ligado ao Ministério da Educação, representado pelo Escritório Nacional da China para o Ensino da Língua Chinesa como Língua Estrangeira e pelo Departamento para Assuntos do Instituto Confúcio, órgão do Conselho Internacional da Língua Chinesa.

No Recife, funciona através de um convênio entre a UPE e a Sede Central do Instituto Confúcio (Hanban), em parceria com a Universidade Central de Finanças e Economia, em Beijing. Além de ensinar a língua chinesa, também visa formar professores de língua chinesa, oferecer livros e material de ensino, realizar o exame HSK, bem como os exames para certificação de professores dessa língua, oferecer serviço de consulta sobre a educação e cultura chinesas, organizar atividades festivas e culturais chinesas e realizar o intercâmbio linguístico e cultural entre a China e o Brasil. O Instituto Confúcio da UPE é o primeiro no Nordeste do Brasil, sendo uma plataforma fundamental para o ensino da língua e cultura chinesas na região.

Além de incrementar o conhecimento e o diálogo entre os dois países, o projeto possibilita novas formas de cooperação acadêmica e científica, estimulando inclusive a integração econômica, pois o conhecimento mútuo da língua e da cultura cria um ambiente mais favorável para o intercâmbio em todos os campos da atividade humana, inclusive o econômico e empresarial.

Confúcio, ou Kung-Fu-Tze (mestre kong), é uma das figuras históricas chinesas mais conhecidas em todo o mundo. Filósofo moralista e teórico político que viveu entre 551 A.C. - 479 A.C, desenhou uma doutrina - o confucionismo - que ainda hoje exerce forte influência em toda a Ásia oriental. Seu sistema de governo, criado a partir de uma visão nostálgica das virtudes humanas, busca o bem-estar geral, além de colocar em pauta questões específicas, como o abrandamento das penas. Em sua visão, os critérios para uma vida social harmoniosa estavam ligados a qualidades como o altruísmo, a sabedoria, a cortesia, a integridade, a fidelidade e a justiça.