Acadêmica da FCM-UPE é aprovada para integrar programa internacional da Harvard Medical School

 

Acadêmica do curso de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Pernambuco (FCM-UPE), Letícia Nunes Campos, foi aceita como Pesquisadora Associada no Programa de Fellowship Paul Farmer Global Surgery, posição ofertada pelo Program in Global Surgery and Social Change (PGSSC).

Toda a jornada começou em julho, com uma etapa internacional na sua vida acadêmica. Por um ano, até junho de 2023, ela atuará em um programa vinculado à Harvard Medical School, a conceituada escola de medicina de uma das melhores universidades do mundo.

Em Boston, nos Estados Unidos, Letícia vai se dedicar a atividades em pesquisa e políticas em saúde pela organização. Criado em 2010, o Program in Global Surgery and Social Change surgiu em resposta ao pouco investimento em cirurgia como serviço essencial para os sistemas de saúde no mundo. O programa tem como intuito melhorar o acesso, qualidade, segurança e custo-benefício de serviços de cirurgia no mundo, principalmente em países de baixa e média renda.

Contudo, o programa não oferece bolsa para estudantes e Letícia precisou encontrar alternativas para conseguir os U$42.000 (quarenta e dois mil dólares) requisitados pela Harvard para viabilizar sua estadia nos Estados Unidos. Além do apoio institucional e financeiro da UPE, a estudante iniciou uma campanha para arrecadar fundos e arcar com os custos envolvidos na viagem, desde a estadia, alimentação, transporte até taxas relacionadas ao visto. Para contribuir, basta clicar AQUI.

Nessa busca pelo financiamento, Letícia se candidatou a múltiplos processos seletivos, tendo sido bem sucedida em dois. O primeiro deles foi o Programa de Líderes da Fundação Estudar que, há mais de 30 anos, seleciona, apoia, reúne e desenvolve jovens de alto potencial, com o oferecimento de bolsas de estudos e estímulos de uma comunidade que atua para transformar o Brasil e o mundo para melhor.

Desde 1991, 790 estudantes já foram selecionados com o objetivo de oferecer recursos, mentoria e educação para impulsionar as carreiras de jovens brasileiros. O anúncio dos novos bolsistas do Programa Líderes Estudar 2022 foi feito no dia 01 de agosto pela Fundação Estudar, no evento Lidera, em São Paulo. Neste ano, o investimento em bolsas de estudo foi de cerca de R$ 6 milhões, um aumento de 20% em relação ao ano anterior.

Durante a seleção, Letícia enfrentou diversas etapas que envolveram resolver situações problema, vídeo de apresentação, entrevista individual, testes de lógica e valores, painel com múltiplos avaliadores, entrevista de aprofundamento técnico e o painel final em São Paulo.

Entre os mais de 33 mil jovens que se inscreveram no processo da Fundação Estudar, 30 foram selecionados. E nove desses estudantes, entre pós-graduandos e graduandos, irão estudar na Universidade de Harvard, incluindo a nossa estudante. Os perfis de carreira mais presentes entre os estudantes foram o de empreendedorismo, gestão privada, governo e gestão pública.

Já a Fundação Maria Emília Pedreira Freire de Carvalho (FME), que possibilitou o segundo processo seletivo onde Letícia obteve aprovação, é uma entidade sem fins lucrativos, criada em 2008, que apoia o desenvolvimento de ações, pesquisas, tecnologias e processos que beneficiem o ser humano e promova a inclusão nas áreas de Educação e Saúde.

Todos os anos, a Fundação Maria Emília seleciona projetos com potencial de causar impacto positivo no país. Nessa empreitada, a estudante submeteu sua proposta de projeto com apoio do time de pesquisadores brasileiros que colabora com Program in Global Surgery and Social Change. Além de todo o cuidado relacionado aos documentos do projeto, Letícia participou de uma entrevista, foi aprovada e receberá o financiamento para ser desenvolvido durante seu ano como pesquisadora associada em Harvard.

A relação de Letícia com o PGSSC começou em agosto de 2020, quando ela entrou em contato com pesquisadores brasileiros que colaboram para o programa da Harvard Medical School. Tornou-se a líder estudantil da equipe nacional e, neste período, a estudante contribuiu com pesquisas para melhorar a qualidade dos serviços em cirurgia a nível local e nacional, tendo participado em publicações internacionais pelo grupo.

No ano passado, a estudante integrou uma lista de 16 pesquisadores de quatro países que publicaram um artigo conjunto no The Lancet Regional Health Americas sobre o impacto da Covid-19 no atraso de cirurgias de emergência e eletivas, aqueles não considerados de urgência e emergência, no Brasil.

O artigo de 11 páginas, intitulado “Association between government policy and delays in emergent and elective surgical care during the COVID-19 pandemic in Brazil: a modeling study”, foi disponibilizado em agosto na versão online da edição regional das Américas da revista médica britânica The Lancet, uma das mais respeitadas editoras científicas do mundo.

UPE Campus Arcoverde recebe Selo OAB Recomenda e inaugura o Núcleo de Prática Jurídica

 

A Reitora da Universidade de Pernambuco, Profa. Socorro Cavalcanti participou da solenidade de recebimento do "Selo OAB Recomenda" pelo curso de Bacharelado em Direito e da inauguração do Núcleo de Prática Jurídica (NPJ) da UPE, Campus Arcoverde. 

O Selo OAB foi criado no ano de 2001 pela Ordem dos Advogados do Brasil com o intuito de aferir a qualidade da educação jurídica oferecida pelos cursos da área existentes no país, destacando os melhores.

Nesta edição do Selo OAB Recomenda, baseando-se nos resultados dos conceitos do Enade no ano de 2018 e nos resultados dos Exames da OAB de 2019 a 2021, o curso de Direito da Universidade de Pernambuco - Campus Arcoverde foi contemplado com a honraria.

Apenas seis (6) cursos de Direito do estado de Pernambuco receberam tamanha distinção, sendo dois (2) da UPE, o que comprova que o curso de Direito da unidade de Arcoverde, juntamente com o curso do campus Benfica, no Recife, é referência em educação jurídica e serve de modelo para às demais instituições de ensino pela excelência na formação profissional.

O Núcleo de Prática Jurídica (NPJ) da UPE Campus Arcoverde recebe instalações novas e tem suas atividades ampliadas a partir de agora com a chegada de um Procurador e de serviços da Pró-Reitoria Jurídica (PROJUR) especificamente para o campus, aumentando a oferta de serviços jurídicos para a população do municipio e as oportunidades de aprendizagem prática para os estudantes de Direito. 

“Nesses dez anos do Curso de Direito em Arcoverde, o NPJ vem prestando serviços jurídicos especializados a mulheres em situação de violência doméstica e familiar por meio do “Escritório de Defesa da Mulher (EDM), à populações quilombolas por intermédio do Projeto Direito em Movimento (DIMO),  a população em geral,  diretamente nos bairros, em Direito de Família e Sucessões, Direito do Consumidor, Direito do Trabalho e Direito Civil, pela “Clínica de Orientação Jurídica”. Além disso, realiza atividades de mediação e conciliação pré-processual, em convênio com o Tribunal de Justiça de Pernambuco, pela “Câmara Privada de Conciliação e Mediação”, pontua a coordenadora do núcleo, Andréa do Amaral Motta.

De acordo com a coordenadora, o NPJ se prepara para, em breve, oferecer serviços de assessoria jurídica popular a grupos sociais vulneráveis e amplia o atendimento individualizado a seus assistidos. “A UPE cumpre assim, parte da sua missão de levar educação e cidadania para todo o estado de Pernambuco”, finaliza.

“É uma grande honra participar deste momento. Duas grandes conquistas. Trago nesta representação o agradecimento para cada participante deste projeto acadêmico, que culmina com o selo OAB. Sucesso a todos”, disse a reitora Socorro Cavalcanti.

O evento contou com a presença do presidente e da co-presidente da Ordem dos Advogados de Pernambuco (OAB/PE), Fernando Ribeiro Lins e Zanelle Ingrid, da coordenadora do NPJ; professora Andréa do Amaral Motta, da gestora executiva pro tempore do campus Arcoverde; Carolina Albuquerque, da diretora da UPE Multicampi; Rosângela Falcão, da coordenadora do curso de Direito campus Arcoverde, Denise Luz. Além da presidente da OAB, subseção de Arcoverde, Marcela Freire de Macedo, do vice-coordenador do curso de Direito do campus Arcoverde, Felipo Pereira Bona, de representantes da OAB Arcoverde, representantes do município, alunos, professores.

 

 

 

Programa de Pós-graduação em Engenharia da Computação realiza aula inaugural no campus Caruaru

O Programa de Pós-Graduação em Engenharia da Computação da Universidade de Pernambuco (PPGEC/UPE) realiza nesta quinta-feira (18.08), às 9h, a aula inaugural da turma 2022.2 que, pela primeira vez, será ministrada no campus da UPE em Caruaru.

“Esse momento acontece todos os anos, duas vezes ao ano, desde a fundação do programa em 2006. Este ano, pela primeira vez, a aula inaugural será conduzida presencialmente em Caruaru, uma das sedes do Programa de Pós-Graduação em Engenharia da Computação da Universidade de Pernambuco”, destaca a reitora da UPE, Profª. Socorro Cavalcanti.

O evento terá participação dos docentes do programa e a condução será de Bruno Fernandes (Coordenador do programa), Cleyton Rodrigues (Vice-Coordenador da unidade Recife), Patrícia Takako (Vice-Coordenadora da unidade Caruaru) e Wylliams Santos (Líder do Planejamento Estratégico).

O Prof. Dr. Wylliams Barbosa Santos, que também é Membro Permanente do PPGEC, reforça a importância da aula inaugural. “É um momento onde temos a oportunidade de reunir todo o nosso corpo discente e docente, bem como secretaria e apoio, para compartilhamento das principais informações sobre o programa. Neste momento, o programa de pós-graduação é apresentado para os alunos novatos e veteranos, destacando a estrutura que temos, nossos principais índices, bem como o nosso planejamento para o futuro e as normas do programa”, pontua o professor.

Esses pontos são apresentados para que os discentes tenham conhecimento do contexto em que estão ingressando e quais as expectativas que o programa tem para os trabalhos que serão realizados.

Inscrições para o vestibular seriado (SSA) da Universidade de Pernambuco terminam nesta quinta- feira (18/08)

As inscrições para o vestibular seriado (SSA) 2023 da Universidade de Pernambuco terminam nesta quinta-feira (18/08). O número de vagas ofertadas pela instituição é de 3.600 distribuídas em 11 campi, para 54 cursos de graduação, sendo: 1.800 no SSA e 1.800 no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) do Ministério da Educação (MEC).

Foram criados cinco novos cursos: terapia ocupacional, no campus Santo Amaro, licenciatura em computação, no campus Mata Norte, enfermagem no campus Ouricuri, sistemas de informação e engenharia de software, na unidade de Surubim.  O calendário foi aprovado em reunião do Conselho Universitário (CONSUN).

As inscrições para as três fases do Sistema Seriado de Avaliação (SSA) são realizadas, exclusivamente pela internet, através do endereço http://processodeingresso.upe.pe.gov.br. A taxa custa R$ 110,00.. É obrigatório que o candidato possua CPF próprio e conta de e-mail válida.

Outras informações através dos telefones: (81) 3183-3660 e 3183-3791, no e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou ainda no endereço eletrônico: http://processodeingresso.upe.pe.gov.br

Leia mais...

Provas do vestibular EAD 2023 acontecem neste domingo (21)

Os 1.985 candidatos inscritos para o Vestibular – Educação a distância (EAD) da Universidade de Pernambuco (UPE), realizam, neste domingo (21/08) pela manhã, as provas do processo seletivo da modalidade.

Os testes terão início às 8h15, mas os portões serão fechados, impreterivelmente, às 8h, não sendo permitida a entrada após esse horário. A orientação é chegar ao local de prova com pelo menos uma hora de antecedência para não correr o risco de se atrasar.

O Vestibular EAD 2023 prevê 1.260 vagas para as licenciaturas em Ciências Biológicas, História, Letras e Pedagogia e 150 vagas para o bacharelado em Administração Pública, de acordo com o edital n° 09/2022.

Os cursos vão ser ministrados no modelo remoto, mas haverá alguns encontros presenciais que acontecerão em 15 polos do interior do Estado (Afrânio, Águas Belas, Cabrobó, Carpina, Floresta, Gravatá, Jaboatão dos Guararapes, Ouricuri, Palmares, Santa Cruz do Capibaribe, São José do Egito, Sertânia, Surubim, Tabira e Triunfo) e no arquipélago de Fernando de Noronha.

Os candidatos devem imprimir o cartão informativo disponível no site até o dia do exame. O documento indica o local onde o estudante fará a prova e é obrigatório para o acesso à sala de aplicação de testes, que deve ser apresentado juntamente com a carteira de identidade original ou outro documento que possua foto e assinatura recentes. 

Leia mais...